segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Dona Ambrósia

Agora que eu já expliquei porque minha filha mais velha se chama Amanda, vou recordar um pouco porque meu filho do meio se chama Ivan. Quem deu o nome não fui eu, nem o Marcos... foi Dona Ambrosia. E eu não sei quase nada sobre ela. Bom, pra começar eu acho muito difícil dar nome para filho, é mesmo uma enorme dificuldade. E todo mundo dá palpite. Um horror. Daí que eu fui para a maternidade sem decidir, o bebê nasceu todo lindão e nada da gente ter certeza. No dia seguinte, 11 de maio de 2002, eis que nosso filho entra pela porta do quarto nos braços de uma enfermeira que precisava preencher os papéis do hospital com o nome da criança. Era a D. Ambrósia. Sabendo que estávamos em dúvida entre Heitor, Ivan e Álvaro, ela, prática, resolveu;  -Eu vou colocar Ivan, depois, na hora do registro, vocês decidem. Foi aí que meu garotão virou Ivan, afinal, quem iria contra a decisão de Dona Ambrósia?

Nenhum comentário:

Postar um comentário