terça-feira, 2 de junho de 2015

secretamente revejo 
as cores de terra 
na doçura dos olhos castanhos



Nenhum comentário:

Postar um comentário